segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Twitter | Prepare-se para mudanças na sua timeline.



Vem mudança por aí na timeline do Twitter! O anúncio foi feito na semana passada pelo chefe financeiro do Twitter, Anthony Noto, em entrevista para o The Wall Street Journal.

Em breve, teremos novos recursos como conversas em grupos via mensagens diretas (DMs), além de algumas mudanças na comunicação, mais especificamente na forma que recebemos as mensagens. O objetivo é atrair novos usuários para a rede e torná-la ainda mais social.

De acordo com a entrevista, o Twitter irá fazer algumas mudanças de algoritmo e seguir a linha do Facebook, mostrando os tweets na timeline por relevância - atualmente, os tweets dos perfis que seguimos são mostrados em ordem cronológica. A ideia é apresentar as mensagens consideradas mais relevantes no momento em que o usuário está online.

Algumas experiências já estão sendo feitas. Talvez você já tenha percebido uns tweets na sua timeline de gente que você não segue. Você pode até não gostar (eu não gostei, hunf!), mas parece que essa novidade também veio pra ficar.

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

#Intercom2014 - O primeiro dia


Esta semana está rolando, aqui em Foz do Iguaçu, o 37º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. O Intercom é o maior evento de comunicação da América Latina e vai reunir cerca de 3 mil pessoas.

O congresso começou ontem e segue até sexta-feira, dia 5, com minicursos, oficinas, mesas redondas e várias outras atividades. Para o primeiro dia, escolhi um minicurso pela manhã e o Simpósio América Latina à tarde.


Minicurso: 'Rede Social: fale pouco, responda certo e mensure muito'

Palestra com a social media do Grupo RIC, Lessandra Lara, que falou um pouco sobre a empresa, o trabalho que desenvolve de monitoramento e métricas com mais de 70 perfis nas redes sociais e ainda deu várias dicas sobre formatos de conteúdo, como aumentar o engajamento com o público num momento em que o Facebook reduziu o alcance orgânico das páginas e também como monitorar e criar relatórios de forma eficiente.

Algumas dicas para aumentar o engajamento com o seu público-alvo:


  • Produza o conteúdo que seu público-alvo deseja

  • Fale a linguagem do seu público

  • Prove que é o público quem faz seu produto acontecer

  • Escute as histórias do seu público

  • Faça perguntas e interaja

  • Crie relacionamentos

  • Microcampanhas

  • Seja transparente


Simpósio América Latina UNILA/Intercom

Escolhi essa programação para o período da tarde pra tentar entender mais sobre a comunicação na América Latina, já que agora esse é o universo do meu trabalho. O desafio foi tentar entender o que os professores falavam em espanhol tão rápido. :}

Mesa I: Pobreza, linguagem e mídia na América Latina
Participantes: Alberto Daniel Cimadamore (Universidade de Bergen/Noruega), Ana Beatroz Chiquito (Universidade de Bergen/Noruega) e Gabriel Quiroz Herrera (Universidade de Antioquia/Colômbia).

Mesa II: Comunicação, território e direitos humanos na América Latina
Participantes: docentes do Centro Interdisciplinar de Território, Arquitetura e Design da UNILA.


Abertura do Intercom 2014

A solenidade de abertura do evento foi no Cineteatro Barrageiros, a partir das 18h30, com um show latino e, em seguida, um coquetel no Mirante Central da ITAIPU onde todos puderam acompanhar a iluminação noturna da barragem.




Ps.: vou confessar que moro em Foz há quase 3 anos e nunca tinha visto a iluminação da barragem à noite. Fica linda. Pra quem vier turistar, vale a pena o passeio.  ;)


sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Explicando as mídias sociais com... café!



Pra descontrair a sexta-feira, um bom jeito de explicar as mídias sociais. Vai dizer que não dá vontade de tomar um cafézinho?




segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Como as marcas estão aproveitando o Ice Bucket Challenge



Estar antenado às tendências e assuntos do momento nas mídias sociais é uma excelente oportunidade de produzir conteúdo. Tem um assunto bombando nas redes que combina com a sua marca, por que não criar algo legal em cima disso? O segredo é agilidade.

Tudo na internet vem e vai muito rápido, saber aproveitar os virais pode render uma boa visibilidade para a sua marca. Já tivemos a onda do Harlem Shake, do We are Happy e a bola da vez é o Ice Bucket Challenge - ou, em bom português, o Desafio do Balde de Gelo.


OMG, que desafio é esse? <o> 

Pra quem está por fora (aiaiai!), o Ice Bucket Challenge é uma campanha solidária, pra ajudar a ALS Association, uma organização americana sem fins lucrativos que arrecada fundos para financiar pesquisas e ajudar pacientes com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), uma doença cerebral degenerativa. A ideia é jogar um balde de água e gelo na cabeça, publicar a foto nas redes sociais e desafiar um amigo. O amigo tem 24h pra aceitar o desafio ou fazer uma doação de 100 pra ALS. Ou dos dois - o que é bem mais divertido, claro! ;)


Agora que você já está por dentro do desafio, vamos ao que interessa. Dá uma olhada como as marcas estão aproveitando o desafio do balde de gelo pra gerar conteúdo e publicidade:



  • Magazine Luiza






  • Ana Maria





  • Ponto Frio





  • Mc Donald's







  • Tabasco Brasil





Quem também aproveitou o desafio - e com louvor - foi a Samsung. Promoveu o Galaxy S5, que é à prova d'água, e ainda alfinetou desafiou os aparelhos iPhone 5S, HTC One M8 e Lumia 930 (que não são resistentes à água). Boa sacada!





Participar é legal, só não perca o foco da brincadeira: fale sobre o que é a doença e, se puder, faça também uma doação! ;-)




sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Tweet for a Read - Um marcador de livro que te lembra de ler




Mesmo gostando de ler, quem nunca largou num canto da casa um livro pela metade? Já fiz isso algumas vezes, até porque tenho mania de começar a ler outros livros antes mesmo de terminar o primeiro, então às vezes acabo deixando algum de lado.

Mas, pensando no coitado do livro abandonado e no desafio de atrair de volta a atenção do leitor em meio a tantos atrativos online, a editora Penguin Companhia das Letras criou o “Tweet for a Read”: um marcador de livro que te manda um tweet se você ficar um tempo sem ler.

#Comofaz?

O marcador tem um sensor de luz, um timer e um nano computador com wifi, assim ele sabe exatamente a última vez que você abriu o livro e, depois de uma semana no escuro, envia um tweet.

Uma ideia muito boa pra levar o leitor do online pro offline.





Vi aqui.


quinta-feira, 21 de agosto de 2014

#QuemUsaOTwitter - O perfil dos tuiteiros no Brasil



Se você ainda está em dúvida se a sua marca deve entrar no Twitter, é bom dar uma olhadinha neste infográfico com o perfil dos usuários do Twitter aqui no Brasil.

O #QuemUsaOTwitter foi criado pelo próprio Twitter e traz informações interessantes sobre os interesses e comportamentos dos tuiteiros brasileiros.



segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Amor líquido – Sobre laços humanos e redes sociais

Quantos amigos você tem no Facebook? E quantas amizades você tem offline, aquelas de verdade, cara a cara? Enquanto uns fazem 500 amigos por dia no Facebook, outros não fazem nem 50 fora das redes durante toda uma vida.

Afinal, qual a diferença entre as amizades de Facebook e as amizades da nossa vida real? 

Seguindo o pensamento de Zygmunt Bauman, sociólogo polonês, o conectar e o desconectar tornam tudo mais fácil, menos arriscado. Principalmente o desconectar. Com a mesma facilidade com que fazemos amigos no Facebook, nos desfazemos deles com um simples clique a partir do momento em que eles não nos satisfazem mais, sem precisar inventar desculpas, nem passar por situações desconfortáveis. Simples assim, sem qualquer comprometimento.

Em seus livros - grande parte já traduzidos no Brasil -, Bauman se baseia em ideias sobre as conexões sociais potenciais na sociedade contemporânea, a busca pela vivência do afeto e a eterna insatisfação humana. As pessoas querem se relacionar, mas não querem se comprometer. E essa fluidez das relações é o que ele costuma chamar de 'amor líquido', a marca da sociedade moderna. Os relacionamentos se tornam cada vez mais frágeis, e cada vez menos sabemos como manter laços a longo prazo.

 "Vivemos tempos líquidos. Nada é para durar" 


 No vídeo abaixo ele fala um pouco sobre esse assunto. Vale a pena assistir porque o pensamento dele é bem interessante.